Junior Cigano diz ter ‘quase certeza’ que Lesnar usará doping para lutar no UFC

A volta de Brock Lesnar ao UFC para uma superluta com Daniel Cormier pelo cinturão dos pesados vem mexendo com o mundo do MMA. Mas questões sobre o fato do astro do WWE ter sido pego em exame antidoping na última vez em que lutou pelo Ultimate (UFC 200) surgem e um dos que questiona é Junior Cigano.

Em conversa com a imprensa brasileira na última quarta-feira (11), o peso-pesado brasileiro vê ‘quase certeza’ de que Lesnar terá problemas com a Agência Antidoping dos Estados Unidos (USADA) e que Lesnar usará algum tipo de substância dopante para enfrentar Cormier.

“A USADA tirou ele do UFC por doping e agora ele volta e todo mundo faz parecer que é algo legal. Mas não é. Ele não traz nada para o esporte. Ele é um cara que trapaceia. A única coisa positiva é que todo vai vê-lo lutar. Aprendi que quem usa esse tipo de substância não pode ficar sem ela, porque não há como produzir testosterona como se fazia antes ou HGH (hormônio do crescimento humano) e outros hormônios. Para competir em alto nível, caras assim precisam disso. Não sei a estratégia, mas é quase certeza de que o Brock não estará limpo”, disse Cigano segundo o MMAFighting.

O brasileiro criticou a atitude pós luta de Lesnar entrar no octógono e empurrar Cormier. Cigano questionou a validade desportiva da decisão do UFC em querer que o astro da luta-livre e ex-campeão peso-pesado da organização enfrente ‘DC’ pelo título.

“Vi a coletiva e o Daniel dizendo que o Brock vence muito pay-per-view. Então, vai ser uma luta que vai envolver muita grana e algo fácil para ele. Não que sejá uma luta fácil, mas será fácil na questão de ganhar muita grana. É injusto, mas a gente sabe como funciona no UFC. Os rankings são feitos de forma estranha, ,mas não é bom ver o Brock cortar a fila porque ele não parou de lutar porque quis. Ele foi pego no antidoping”, disse.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *